Voltar

Linha Dermatológicos

Embalagem RegepilEmbalagem Regepil
Nova embalagem

Regepil

Produto tópico de formulação exclusiva e potente ação cicatrizante.

Fórmula:

Cada 100 mL contém:
Tartarato de Ketanserina ...........  0,345 g
Asiaticosídeo ...........  0,200 g
Veículo q.s.p. ........... 100,00 mL

Indicações:

Regepil é um cicatrizante para uso tópico, composto pela associação entre Tartarato de Ketanserina e Asiaticosídeo, indicado na estimulação da cicatrização de feridas em cães e gatos. 

Dentre as possibilidades de uso do Regepil, além de feridas gerais em cães e gatos, o produto pode ser indicado para feridas crônicas, feridas localizadas em região de difícil cicatrização e para animais com comprometimento do processo de cicatrização fisiológico, decorrente de uma condição clínica pré-existente ou de algum tratamento concomitante, de modo a contribuir e acelerar o processo de cicatrização. Quando utilizado no tratamento de feridas cirúrgicas o produto pode atuar ainda na redução do índice de deiscência de pontos.

A eficácia desse produto não foi avaliada pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, porém foram conduzidos estudos pela empresa fabricante que demonstraram que o produto apresenta as características desejadas e necessárias de eficácia e segurança para a indicação a que se destina obtendo, dessa forma, emissão de Licença Provisória.


Dosagem:

Regepil deve ser aplicado sobre a região a ser cicatrizada, em quantidade suficiente para que toda a superfície e bordas da ferida recebam o produto. O produto deve ser aplicado diariamente, por até 3 vezes ao dia, ou nos momentos de manipulação da ferida para higienização e/ou troca de curativo. O tratamento deve ser continuado até a completa cicatrização da ferida.

Na região tratada, ocasionalmente, pode ser observada a formação de uma película, decorrente do uso do produto.

O intervalo entre aplicações do produto Regepil é variável de acordo com o tipo de ferida e com as condições da região a ser cicatrizada, ficando a critério do médico-veterinário a definição do intervalo entre doses, de acordo com o protocolo de tratamento estabelecido.


Modo de uso:

Regepil acompanha uma válvula spray, que deve ser acoplada ao frasco, perfurando o lacre, previamente ao uso, para a correta aplicação do produto.

Para acoplar a válvula da forma correta siga os passos:

  • Retire o frasco e a válvula spray da embalagem; 
  • Retire a tampa do frasco;
  • Em seguida posicione a válvula spray perpendicularmente ao frasco e, com a própria haste de plástico, perfure o lacre de proteção com um movimento para baixo;
  • Enrosque bem a válvula spray para que não haja vazamento do produto durante a aplicação;
  • Para sua segurança a válvula spray é enviada na posição de travamento;
  • Para o uso gire a trava para a posição “Open” conforme indicado na ilustração.

Lavar a ferida com solução fisiológica, removendo qualquer corpo estranho, tecido necrótico ou tecido de hipergranulação existente, antes de cada aplicação do produto. 
Em caso de sangramento da ferida, é recomendado que a aplicação do produto seja realizada apenas após o sangramento ter cessado.
Aplicar o produto sobre a região a ser cicatrizada, movimentando o frasco para que a aplicação aconteça em toda a área da ferida. Aplicar em quantidade suficiente para que toda a superfície e bordas da ferida recebam o produto. Após a aplicação do produto, lavar as mãos com água e sabão.

O uso do produto não requer a manutenção de curativos ou a restrição de movimentação de membros, de modo que o uso de curativos, bem como a sua manutenção, e o manejo do animal durante o tratamento da ferida devem ser orientados pelo médico-veterinário.

Para a correta evolução do processo de cicatrização de feridas são necessários cuidados especiais, a fim de proteger a região a ser cicatrizada de eventuais lambeduras, mordeduras e arranhaduras, que podem interferir negativamente no tratamento da ferida. Recomenda-se, por exemplo, o uso de colar elisabetano.



Confira mais informações sobre esse produto na bula ou no texto técnico em “Materiais”.

Voltar