Como saber se o seu gato está sentindo dor?

19 de Julho de 2017

Como saber se o seu gato está sentindo dor?

Confira mais posts

Por Fernanda Costa Sousa Zinsly de Mattos, analista técnica na Ourofino Pet

Por muito tempo acreditava-se que os animais não sentiam dores como os seres humanos ou que as percebiam de forma diferente. Atualmente, existem estudos que comprovam a semelhança entre homens e animais na relação com a neuroanatomia, destacando a ideia de que eles experimentam a dor de forma similar.

O controle da dor nos gatos, por exemplo, foi negligenciado por um longo período quando comparado ao tratamento de dor nos cães. Entretanto, nos últimos anos esse perfil mudou e tanto a avaliação, quanto o tratamento nos felinos recebem crescente atenção.

Além das mudanças fisiológicas, o gato com dor demonstra alterações comportamentais. Para perceber os sinais é muito importante conhecer a fundo o comportamento individual de seu pet. Os gatos com dor apresentam perda de peso e emagrecimento, postura anormal, agressividade, apetite diminuído ou ausente, tristeza, depressão e automutilação. Além dessas características, é possível notar a diminuição da capacidade de saltar, a redução ou a ausência da auto-higienização e a falta do uso da caixa de areia para fazer suas necessidades.

A dor pode ter inúmeras causas, portanto se observar algo estranho ou anormal em seu pet leve-o ao médico-veterinário. Por meio de uma avaliação detalhada será possível identificar a dor, avaliá-la e determinar o melhor tratamento!

Foto: iStock

Tags

Deixe o seu comentário

  • #AmigoPet - Coronavírus em cães e gatos

    #AmigoPet - Coronavírus em cães e gatos

    27 mar
    2020

  • Medidas da Ourofino Saúde Animal sobre o COVID-19

    Medidas da Ourofino Saúde Animal sobre o COVID-19

    20 mar
    2020

  • Disbiose intestinal em cães e gatos

    Disbiose intestinal em cães e gatos

    04 fev
    2020

  • Importância do controle ambiental para prevenção de carrapatos e pulgas

    Importância do controle ambiental para prevenção de carrapatos e pulgas

    10 dez
    2019

  • Como proteger seu pet e sua família da leishmaniose visceral

    Como proteger seu pet e sua família da leishmaniose visceral

    09 out
    2019

  • A importância do médico-veterinário

    A importância do médico-veterinário

    11 set
    2019

  • Carregar mais posts
Cadastre seu e-mail e receba nossa newsletter.