Diarreias em cães e gatos: o que fazer?

20 de Março de 2017

Diarreias em cães e gatos: o que fazer?

Confira mais posts

Por Fernanda Costa Sousa Zinsly de Mattos, analista técnica na Ourofino Pet

A diarreia é sinal clínico de muitas doenças e consiste na perda de líquido através das fezes, que podem ser caracterizadas em pastosas ou líquidas, com ou sem presença de sangue. Inúmeras causas estão ligadas a essa manifestação clínica, como parasitas intestinais (vermes e protozoários), viroses, intoxicações, estresse (mudanças de ambiente ou rotina na casa), mudanças alimentares bruscas ou problemas psicológicos. Portanto, as diarreias podem ter várias causas, que vão das mais simples até as mais graves.

Entre as causas mais comuns da diarreia nos pets estão os vermes. Em cães parasitados, além da diarreia, outros sinais são observados, como presença de vermes nas fezes, perda de peso, diminuição ou falta de apetite, vômitos e anemia. Manter o pet sempre vermifugado é um gesto de carinho com ele e com sua família.

A Ourofino Pet conta em sua linha com o Top Dog, um produto completo e palatável para esta finalidade. Lembrando que antes de vermífugar o seu pet é indispensável uma consulta com o médico-veterinário para uma avaliação detalhada e a realização de exame de fezes para que o profissional estabeleça o melhor protocolo de tratamento.

Existem também as diarreias que são provocadas por distúrbios psicológicos, dentre as causas dos distúrbios estão: a chegada de um novo animal à família, viagens, ausência do dono, mudanças de ambiente e até mesmo a diminuição de passeios. Qualquer alteração de rotina gera estresse nos animais e, nestes casos, os probióticos podem ser utilizados para prevenir o desequilíbrio da microbiota intestinal e problemas decorrentes desta situação.

O uso de probióticos não possui contraindicação, eles podem ser fornecidos aos cães e gatos em qualquer fase da vida, sendo especialmente importantes em situações em que existem altos níveis de estresse com consequente queda do sistema imunológico. O Biocanis, comercializado pela Ourofino Pet, é um biorregulador do trato intestinal que possui em sua formulação microrganismos vivos que atuam de maneira benéfica no trato intestinal. Saiba mais na página de Produtos do nosso site. 

Tags

Foto: IStock - Aleksandar Nakic

Comentários

Vanessa Melo

Meu cão teve uma mudança na alimentação... Pois eu deixei ele com a minha irmã e quando ele voltou p casa começou a vomitar, toda vez que comia, vomitava, quando não vomitava fazia fezes pastosa... De repente começou a perder peso e há dois dias esta com as fezes líquidas... Ele não foi vermifugado esse ano, e não tomou a vacina esse ano tbm... Quero saber se posso vermifugar mesmo ele estando com as fezes líquidas???? E após uns dias fazer a vacina anual...

Oi, Vanessa! A mudança brusca na alimentação dos pets causa problemas gastrointestinais, por exemplo a troca de ração e introdução de um novo alimento na dieta devem ser feitas de forma gradativa. Por isso, recomendo que você leve seu amigo ao médico-veterinário para que ele faça os exames clínicos e avalie se esse problema gastrointestinal foi causado apenas pela mudança da alimentação ou se há outro fator. Para ajudar seu pet, você pode fornecer a ele o probiótico Biocanis, que pode ser usado em qualquer situação de alteração de rotina dos animais de companhia, como desmame, mudança de alimentação, viagens, adestramento, acasalamento e alterações de ambientes. Forneça duas vezes ao dia, conforme descrito na bula do produto.
Não é indicado fazer a vermifugação e vacinação enquanto seu amigo estiver com os sintomas descritos por você.

Glauco Guilherme Oncken Trigo

Olá.
Tenho um Shit Tzu, ele tem 6.350 kgs, tomou 1 comprimido de topdog para cães até 10 kgs em 31.12.18, dei mais 1 comprimido em 15.01.19, hj 16.01.19 por volta das 19h começou a apresentar diarréia.
O que pode estar acontecendo?
No aguardo.

Glauco, o uso do Top Dog é seguro para os animais de companhia, no entanto alguns podem apresentar reações gastrointestinais após a administração do vermífugo. Isso acontece porque os pets também podem estar eliminando os vermes nas fezes. Por isso, é preciso que você observe as reações no seu amigo e, caso o quadro continue, agende uma consulta com o médico-veterinário para que ele faça os exames clínicos adequados.

Tarita Rigo

Meu cãozinho de 30 dias tomou o vermífugo Top Dog 2,5 (meio comprimido devido ao peso) na sexta dia 30/11. Expeliu vermes mas desde então ele está cada vez pior. Ele não estava doente, estava brincando... agora mal anda, parece que está tonto, cambaleando, não come nada nem bebe. Estou dando água na boca dele com uma colher. O que pode estar acontecendo? Pq uma reação tão forte? Hoje já estamos no dia 2/12 e ele está só piorando.

Olá! Recomendo que você leve seu amigo ao médico-veterinário para que ele o examine e indique o tratamento correto. Para qualquer outra informação, ligue no 0800 941 2000 e converse com a equipe de atendimento, de segunda a sexta-feira, exceto feriados, das 8h às 17h.

Amanda Moreira Alves

Olá, tenho um Cão Labrador de 5 anos e meio.
No dia 11/10/2018 ela teve uma cegueira rependina.
Levei ao veterinário e foi diagnosticado com Babesiose.
A saúde dela está perfeita! Porém não está enchendo nada!
Está em tratamento, com antibiótico, vitaminas e remédio ingetavel de 15 em 15 dias..
O que gostaria de saber se e comum casos de seguridade com babesia, e se ela voltará a enxergar?
Att Amanda

Oi, Amanda! A cegueira súbita é um dos sinais clínicos que pode ocorrer em pets com a doença do carrapato. Sugiro que você continue o tratamento indicado pelo médico-veterinário, com o acompanhamento dele.

Vania costa

Meu cachorro esteve doente, segundo o veterinário ele teve uma virose. Foi medicado, e durante o tratamento as fezes estavam mole e estava sem apetite. Após o término dos medicamentos ele foi melhorando o apetite e as fezes endurecendo. O biocanis foi indispensável para a diarréia. Mas qdo voltou a comer a ração, voltou com a diarreia, porém tem apetite. Agora mudamos a ração e estamos observando as fezes que ta difícil voltar ao normal. Será que pode dar novamente o biocanis?
O problema é somente as fezes mole. E ele é novinho tem 3 meses.

Vânia, como o Biocanis é um suplemento, não há contraindicação. Mas, indico que você agende novamente uma consulta com o médico-veterinário para que ele examine seu amigo presencialmente e investigue as causas do quadro clínico.

Regina Vicente Ferreira da Silva

Minha gatinha de meses está com as plaquetas baixas; Voce me indicaria um bom polivitaminico por favor??

Oi, Regina! As causas de redução de plaquetas podem ser diversas, por isso sugiro que você agende uma consulta com o médico-veterinário para que ele avalie seu amigo presencialmente e indique o melhor tratamento. Feito isso, coloco à disposição a equipe técnica da Pet para te ajudar com nossos produtos pelo 0800-941-2000.

Isabel Brandão

Gostaria de saber se biocanis é indicado para diarreia em cães, como principal ferramenta terapêutica.

Olá, Isabel!
O Biocanis pode ser utilizado como medida auxiliar dentro do protocolo de tratamento em quadros de diarreia. No entanto, recomendamos que consulte um médico-veterinário para avaliar clinicamente seu amigo. Obrigado por acompanhar o nosso blog.

Luciane

Boa tarde,Gostaria de saber se o Top Dog serve para prevenir o verme do coração,dando uma vez ao mês,Obg

Oi, Luciane!
O Top Dog é um vermífugo palatável à base de Febantel, Praziquantel, Pamoato de Pirantel e Ivermectina. É indicado para combate e controle de parasitas internos de cães, nematódeos (ancylostoma caninum, toxocara canis), cestódeos (dipylidium caninum) e
protozoários (giardia sp). Se precisar de mais informações, entre em contato gratuitamente pelo 0800 941 2000 e peça para conversar com a equipe técnica da Linha Pet, de segunda a sexta-feira, das 14h às 17h (exceto feriados).

Deixe o seu comentário

Recebemos o seu comentário e entraremos em contato em até 3 dias. Conte também com o nosso SAC pelo 0800 941 2000.

Erro ao enviar, confira se todos os formulários estão corretos.

  • Osteoartrite em cães e gatos

    Osteoartrite em cães e gatos

    13 nov
    2019

  • Como proteger seu pet e sua família da leishmaniose visceral

    Como proteger seu pet e sua família da leishmaniose visceral

    09 out
    2019

  • A importância do médico-veterinário

    A importância do médico-veterinário

    11 set
    2019

  • Cuidados durante a gestação canina

    Cuidados durante a gestação canina

    21 ago
    2019

  • Doenças transmitidas pelos carrapatos

    Doenças transmitidas pelos carrapatos

    18 jul
    2019

  • Doenças frequentes em animais geriátricos

    Doenças frequentes em animais geriátricos

    24 jun
    2019

  • Carregar mais posts